• Rua Dr. Vieira Bueno, 156 – Cambuí, Campinas – SP
  • Fone: 19 3762 1122
  • Whatsapp: 19 97409 7641

BLOG

Santa Viaja: Chelsea, Nova York

31.Aug.2018

Primeira parada: Chelsea. A nossa estilista Gabi Meirelles visitou Chelsea, NY, e contamos aqui cada detalhe dessa viagem fora do eixo comum e dentro de tudo o que você sempre quis saber!

Paisagens, sons, sabores e expressões: se pudéssemos resumir Chelsea em poucas palavras, essas seriam as escolhidas: e pudera. O bairro histórico de Manhattan é uma mistura de tudo o que há de mais charmoso e vivo em uma metrópole. O mix de acolhimento e novidades por todo o lado foi a inspiração necessária para que Chelsea fosse o primeiro ponto de parada da nossa estilista Gabi Meirelles, que chegou à “Big Apple” acompanhada do marido Gustavo na noite de um sábado. Juntos, eles decidiram explorar logo cedo, no domingo, esse bairro incrível e o resultado você confere agora. Vem com a gente!

CHELSEA: como é caminhar por essas ruas?
Imagine uma mistura entre os prédios típicos de filmes passados em Nova York e casas acolhedoras de um bairro residencial. Agora, coloque uma boa dose de grandes marcas e uma pitada de novos criadores para formar a receita perfeita. Imaginou? Esse é Chelsea. Por lá, é possível conhecer de perto edifícios de grandes marcas, uma infinidade de paisagens urbanas surpreendentes e, ao mesmo tempo, o trabalho de criadores que chegaram agora ao mercado! O casal adorou, é claro!

CHELSEA: o Chelsea Market
Se no Google encontramos tudo o que queremos em relação a assuntos, no Chelsea Market é possível achar tudo o que você imagina ter vontade de comer. E a comparação não é à toa. É lá, em frente ao prédio do Google, que um universo gastronômico nos espera!

“É muito difícil decidir onde comer por lá, porque tem muita coisa boa, muita coisa que dá vontade: doce, salgado”, contou Gabi, explicando que existe, inclusive, um box apenas de embutidos: pastramis, salames, presuntos…



Com tanta opção deliciosa, era o momento de decisão e a Gabi e o Gustavo fizeram a primeira parada gastronômica do Chelsea Market: lagosta! O local escolhido era supercompleto e reservava, além disso, comidas japonesas, sopas e mais diversos pratos especiais!

Após saborearem a lagosta, eles não se deram por satisfeitos, e ainda bem! A próxima escolha foi o restaurante Filaga: a primeira pizzaria e rosticceria siciliana do Chelsea Market. Buonissima!

E o tour não parou por aí! Além de comidas especialíssimas, o Chelsea Market tem um espaço para a exposição da produção de novos artistas. Decoração, cosméticos veganos e acessórios femininos são algumas das opções encontradas por lá! E sabe do mais surpreendente? É também no Chelsea Market, logo na entrada, que encontramos uma unidade gigante da loja Antropology, com dois andares de muita moda! 



CHELSEA: Cafés, lojas, vitrines e um jardim suspenso que vai te surpreender! 
Quem não adora um café especial para fechar o almoço com aquele gostinho bom? Saindo do Chelsea Market, o casal encontrou o Kobrick: um coffeeshop superacolhedor na mesma rua do mercado. “Cabem mais ou menos 15 pessoas sentadas! É muito bom e bem pequeno”, explicou Gabi, que nos contou que lá por perto também havia a Le Pan: uma padaria que também existe em São Paulo, na Vila Madalena. Incrível, não é?

Após o pit stop para o café, era hora de caminhar novamente pelas ruas de Chelsea. Gabi e Gustavo olharam lojas, vitrines e um pouquinho de tudo o que tinha por lá. A ideia, no entanto, não era focar em compras, mas conhecer de perto a High Line: uma antiga linha de trem abandonada que foi restaurada e transformada em um grande parque suspenso, onde as pessoas podem caminhar e fazer atividades ao ar livre. Na High Line, as passarelas elevadas são preenchidas por pessoas de todo o mundo, em uma paisagem que mistura o verde das plantas do jardim à multiplicidade de culturas e o agito da cidade lá embaixo. Um espetáculo!

CHELSEA: UpTown, Pier e mais uma aventura gastronômica para fechar!
Subindo em direção à UpTown de Nova York, o casal foi visitar o Pier de Chelsea, que desemboca no Rio Hudson. E eis que a “Big Apple” surpreende novamente. Isso, porque esse lugar abriga um Centro de Esportes supercompleto, com uma mega-academia que tem de tudo: golfe, basquete, futebol, natação… “É imenso!”, contou Gabi realmente entusiasmada.  E como a paixão do casal é o Skate — afinal, o Gustavo arrisca boas manobras no esporte —, os dois foram visitar o Skate Park.

Para fechar a visita como ela começou — com uma boa gastronomia — a Gabi e o Gustavo foram jantar no Hell’s Kitchen: um bairro bastante conhecido por seus restaurantes, com opções que vão de pratos tradicionais americanos a culinárias exóticas e restaurantes de grandes redes. Sobre a próxima parada? O relato completinho está por chegar! Fique ligado no blog da Santa Costura de Todos os Panos e aguarde a próxima aventura: Brooklyn! Nos vemos já já!

#santaviaja #chelsea #novayork

Comentários

Gostou da matéria? Deixe aqui seu comentário ou dicas sobre o assunto.

X

Bem-vindo!

CADASTRE-SE E GANHE 10% DE DESCONTO NA PRIMEIRA COMPRA

*ao clicar no botão enviar, envie o codigo acima para o nosso WhatsApp.